Quem será que escreve os meus textos?
-20%

8,48€
6,78€

de Pedro Outono

ColeçãoColeção Palavra Poema
GéneroPoesia
Ano2002
ISBN978-9-72-857541-0
IdiomaPortuguês
Formatobrochura | 70 páginas | 21 x 14 cm

Efetuar compra

Longe de procurar a mais bela ou mais dissonante imagem no mais puro e penetrante verso, com o qual se pudesse beliscar um certo estádio de pureza e eternidade, os textos que aqui se podem encontrar são antes marcas dum encontro com o sentido num contexto mundano e sensual, cuja grandeza está precisamente na singularidade de registarem as inefáveis arestas da realidade dos afectos. Por isso pressentimos o calor dos pijamas, o odor dos corpos, a inquietude do olhar e da reflexão, a música que acolhe, a existência nos fios do tempo e na trama das pessoas, segundo verdades intuídas num instante único e que logo se dissipam como quem agarra «a ponta do rabo do destino». Este livro abre uma clareira de sensações que permite um reencontro do leitor consigo mesmo. As suas verdades mortais tocam-nos porque lhes reconhecemos a força de carne. Para ler sem ciência, num sofá ou numa cama.

Pedro Outono

Pedro Outono nasceu na cidade de Coimbra em 1970. Também estudou na Universidade desta cidade, no curso de Filosofia, e com uma passagem por Salamanca, onde foi bolseiro Erasmus. Exerce funções de docente no Ensino Secundário, para além de Guia-intérprete. Mostrou-se pela primeira vez com «A ouvir a música que só chega à noite», texto integrado na Antologia PoéticaMemória da Palavra, da Secretaria de Estado da Cultura (Delegação Regional da Cultura do Centro), em Julho de 1995. Em Outubro de 1995 é publicado o seu primeiro livro, Poemas de um Quarto Fechado, editado pela A Mar Arte (Coimbra). Há ainda a referir «Há pessoas que nunca...», texto publicado na revista literária De Littera, (com o apoio da Reitoria da Universidade de Coimbra), número 1, Janeiro de 2000. Publicou outros textos como «uma», «água» ou «A Janela» em edições electrónicas na internet. É autor de outros textos que assina como Pedro Miguel Gon *.
Quem será que escreve os meus textos?-20%

8,48€
6,78€

comprar

Quem será que escreve os meus textos?

de Pedro Outono

  • Poemas de um Quarto Fechado, (poesia), Coimbra, A Mar Arte, 1995.
  • * como Pedro Miguel Gon:
  • Livro dos Dias à Tarde, (contos) Lisboa, Editorial Escritor, 2001.