­
telefone
925 329 811 | 239 087 720
Carrinho vazio

Saul António Gomes é natural de Leiria, cidade onde nasceu em 1963. Doutorado em História, lecciona, desde 1987, na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, de cujo Centro de História da Sociedade e da Cultura é investigador. É membro correspondente da Academia Portuguesa da História e colaborador do Centro de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa. Foi Prémio Gulbenkian de Ciência (1999), pela sua obra, em co-autoria com Cristina Pina e Sousa, Intimidade e Encanto. O Mosteiro Cisterciense de Santa Maria de Cós (Alcobaça) (1998). Entre os seus trabalhos dedicados ao estudo da história monástica portuguesa destaca os títulos: Documentos Medievais de Santa Cruz de Coimbra (1988), O Mosteiro de Santa Maria da Vitória no Século XV (1990), Relações entre Santa Cruz de Coimbra e Santa Maria de Alcobaça ao longo da Idade Média (1991), Organização paroquial e jurisdição eclesiástica no Priorado de Leiria nos Séculos XII a XV (1992), Um Bulário Medieval da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho (1992), Uma Regra de Santa Clara de Assis de inícios do Século XVI (1994), O Convento de S. Francisco de Leiria na Idade Média (1994), Vésperas Batalhinas. Estudos de História e Arte (1997), Os Panteões Régios Monásticos Portugueses nos Séculos XII e XIII (1997), Visitações a Mosteiros Cistercienses em Portugal – Séculos XV e XVI (1998), As Ordens Mendicantes na Coimbra Medieval (1998), Um Formulário Monástico Português Medieval: o Manuscrito Alcobacense 47 da BNL (1999), Revisitação a um velho tema: a fundação do Mosteiro de Alcobaça (2000), Documentos para a história de Santa Maria de Alcobaça nos Séculos XVI a XVII. O Corpo Cronológico do Instituto dos Arquivos Nacionais / Torre do Tombo (2000), Fontes Históricas e Artísticas do Mosteiro e da Vila da Batalha (Séculos XIV-XVII) (4 vols., 2002-2004), Um Formulário Cisterciense de 1714: o Manuscrito Alcobacense da BNL CCCXL/230 (2002), D. Gomes Eanes e a Capela de Santo André e dos Cinco Mártires de Marrocos do Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra (2002), Entre Memória e História: os primeiros tempos do Mosteiro de Alcobaça (2002), Acerca do Mosteiro de Santo André de Ansede (c. Baião): breves notas para a história dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho em Portugal (2004), O “Inventário das Escrituras” do Convento de S. Francisco de Santarém (1411) (2004), A Chancelaria do Mosteiro de S. Vicente de Fora de Lisboa nos Séculos XII e XIII (2004), Os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho em tempos de Reforma: 1500-1530 (2004), O Mosteiro de Alcobaça ao tempo do Rei D. Pedro I (2005), Observações em torno das chancela-rias das Ordens Militares em Portugal na Idade Média (2005), O Priorado Crúzio de Santa Maria de Leiria do Século XII à criação da Diocese (2005), Donationes custodiantur, donationes serventur – Da memória e praxis arquivística do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça em tempos medievais (2005), D. João II e o Mosteiro de Alcobaça (2005), Clérigos Regulares nas Ordenações Sacras da Sé de Coimbra no Século XV (2005), Trado me ipsum… – Registos medievais de traditio monástica entre os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho em Portugal (2006), Um Manuscrito iluminado trecentista alcobacense: o “Caderno dos Forais” do Couto (2006), A Igreja de S. Domingos de Coimbra em 1521 (2007).

Fabricante:
Saul António Gomes
Resultados 1 - 8 de 8
Ricardo Pessa de Oliveira
­

Em caso de litígio, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo do Distrito de Coimbra, com sítio em www.centrodearbitragemdecoimbra.com e sede em Av. Fernão Magalhães, Nº. 240, 1º, 3000-172 Coimbra
Este site utiliza cookies. Ao navegar neste site está a consentir a sua utilização. Consulte as condições de utilização e a nossa política de privacidade.
copyright 2016-2019 Palimage | Terra Ocre, Lda. | Portugal | Todos os direitos reservados